Silicone de origem vegetal!

- 9/27/2012

Silicone de origem vegetal!

Oi gente, tudo certo?

Lembram que fiz um post sobre silicone? Nele eu expliquei o que são e quais as funções que exercem nos cosméticos. Porém esses compostos não são biodegradáveis e com isso poluem o meio ambiente quando enxaguamos os cabelos, lavamos as mãos eles vão por ralo abaixo, contaminando as águas, rios e etc.

Por isso pesquisadores da UFRJ (instituição que tenho o orgulho de fazer parte) estão testando um silicone de origem vegetal. Na verdade ele não é um silicone propriamente dito, pois para ser silicone precisa ser derivado da sílica, mas é um polímero de origem vegetal que vai exercer as mesmas funções dos silicones.





Os pesquisadores de produtos naturais da UFRJ, foram buscar na natureza uma substância que pudesse substituir os silicones. Eles encontraram a solução em uma árvore muito comum em regiões secas, a Acácia. A resina fabricada pela Acácia passa por um processo de purificação para que as impurezas possam ser removidas, e depois é misturada a água e assim está pronto o silicone vegetal.

A resina é uma secreção extraída de diversos tipos de plantas. São misturas de ácidos carboxílicos (os ácidos carboxílicos com cadeia lineares e números pares de carbono são ácidos graxos, possuímos ácidos graxos naturalmente em nossos cabelos, logo quando usamos um produto rico em ácidos graxos ele ajuda a manter os níveis adequados desses ácidos além de repor os perdidos), terpenos (os terpenos são encontrados em pequenas quantidades em seres vivos e possuem um papel importante na fisiologia vegetal, o betacaroteno, é um tetraterpeno de grande importância primeiramente pelo seu caráter antioxidante, segundo porque é o precursor da vitamina A, a vitamina D é um terpeno obtida a partir do colesterol), e óleos essenciais como sabemos óleos essenciais são ricos em vitaminas, ácidos graxos e antioxidantes. 

A composição química das resinas varia muito de uma planta para a outra. Ainda mais que a constituição dos terpenos pode ser das mais variadas. As resinas são insolúveis em água e algumas são muito conhecidas como o látex e o âmbar.


Os pesquisadores já descobriram que o uso do silicone vegetal na pele trás mais benefícios do que o silicone comum, o hidratante produzido como novo silicone, tem um toque sedoso, espalha super bem a ainda estimula a produção de colágeno. Ele é capaz de aumentar em torno de 50% a produção de colágeno pela pele, além de ser biodegradável.

Eu adorei saber dessa novidade, com certeza os benefícios para os cabelos também serão maiores. E agora temos que esperar e torcer para que eles entrem no mercado logo, logo.

Aqui tem um vídeo da reportagem completa.

E aí, gostaram da novidade?

Obrigada a todos vocês, beijos e até a próxima!


Resenha: Summer Beach Néctar do Brasil

- 9/25/2012

Oi gente, tudo bem?

Hoje tem resenha de uma linha hidratante:

Summer Beach da Néctar do Brasil


Essa é mais uma das linhas que recebi para testar da Néctar do Brasil, essa é uma linha para cuidados no verão, uma linha pós sol e também de pré exposição solar.

O que o fabricante diz: A linha Summer Beach da Néctar do Brasil possui nutrientes essenciais da Geleia Real que protegem os expostos ao sol, mar e cloro, mantém os cabelos com balanço e toque sedoso. Enriquecido com Extrato de Pérola, intensifica o brilho e a luminosidade. Possui Frio-Gel, que proporciona uma ação refrescante no couro cabeludo”.

Shampoo Summer Beach:





Esse shampoo possui sulfato, mas também possui outros agentes de limpeza mais suaves.
Notamos na composição extrato de pérola, a pérola é formada principalmente de carbonato de cálcio, O carbonato responde por 92 % da pérola, sendo os 8% restantes formados por matéria orgânica (6%) e água (2%). Em produtos para cabelos o extrato de pérola confere um brilho extra, não encontrei mais informações a respeito.
Geleia Real produto de secreção das glândulas hipofaríngeas das abelhas operárias. A geleia real é composta por: vitaminas  do complexo B, tais como ácido pantotênico (vitamina B5) como sabemos um agente hidratante muito importante, é capaz de absorver água do meio e retê-la nos cabelos, Através da técnica de microscopia eletrônica, mediu-se o seu efeito e verificou-se que encorpa o fio em até 10% do seu diâmetro normal.Além de ser rica também em em vitamina B(piridoxina).
 A composição global de geleia real é de 67% de água, 12,5% de proteínas, sabemos que as proteínas auxiliam na reconstrução dos nossos fios, preenchendo as fissuras nas estrutura dos fios de cabelo. A geleia real também possui pequenas quantidades de diversos aminoácidos, sabemos que os aminoácidos são os “tijolinhos” formadores das proteínas, e são mais facilmente absorvidos pelos fios por terem o tamanho reduzido.

A composição global da geleia real possui 11% carboidratos (açucares), que importantes agentes hidratantes. Possui também uma quantidade relativamente elevada (5%) de ácidos graxos.  E ainda contém vestígios muitos minerais, algumas enzimas, componentes antibacterianos e antibióticos, e quantidades vestigiais de vitamina C .

 Notamos ainda a presença o octyl methoxycinnamate, que reflete os raios UV, sendo assim ele protege nossos fios da ação dos raios UV.

Modo de uso: Aplique sobre os cabelos molhados e massagear suavemente, envolvendo todos os fios. Pausar por 5 minutos. Enxaguar. Repetir o processo e enxaguar abundantemente.

Esse shampoo é perolado, tem uma textura bem cremosa, um cheiro bem gostoso, a linha possui um cheiro de perfume masculino que eu gosto bastante. Eu usei de duas formas, pausando por 5 minutos como recomenda o fabricante e não pausando, só massageando e enxaguando como um shampoo normal. Esse shampoo é bem hidratante, não deixa os cabelos ressecados, quando enxaguamos notamos os cabelos macios apenas com o uso do shampoo. Sem dúvida é um dos melhores shampoos que já usei, eu dou muita importância aos shampoos e eu amei esse shampoo.

Quando pauso o shampoo nos cabelos sinto um frescor no couro cabeludo, uma sensação geladinha que eu adoro, e quando não faço a pausa, ou seja, quando lavo apenas massageando e enxaguando não noto essa sensação de frescor. Há uma outra diferença também, quando faço a pausa de 5 minutos os cabelos ficam mais macios, por incrível que pareça, os cabelos ficam mais limpos e mais macios, eu achei que essa pausa poderia ressecar um pouco, mas isso não ocorre. Enfim eu AMEI esse shampoo, acho que ele foi o meu item favorito de todo o kit.


A máscara Summer Beach:


Na composição da máscara notamos a presença de óleo mineral (falei sobre eles nesse post). Silicones, que são responsáveis por doar brilho, penteabilidade, e etc.
Os ativos da máscara são os mesmo que os do shampoo (em concentrações maiores), Geleia real e extrato de pérola, já falei sobre eles ali em cima.
         A máscara também contém o agente de proteção UV octyl methoxycinnamate.

Modo de uso: “aplicar sobre os cabelos limpos e úmidos, começando pelas pontas e espalhando por todo o fio do cabelo, deixando agir por 10 minutos. Enxaguar bem.”

         Ela possui uma consistência bem firme, como podem ver na foto. Ela não espalha muito bem por conta da consistência por isso é bom espalhar ela nas mãos antes de aplicar nos cabelos, por outro lado sua consistência aumenta seu rendimento, ou seja, ela vai render bastante. A cor é amarelo clarinho, e o cheiro é o mesmo do shampoo de perfume masculino, porém depois do cabelo está seco o cheiro fica mais suave.


Assim que aplicamos, ela amacia os fios e auxilia muito no desembaraço dos cabelos, conforme vamos enluvando ela vai deixando os fios mais macios ainda. Na hora do enxague notamos os fios macios e até mais comportados, mais lisos, eu usei ela pausando 10 min, 20 min, e 30min. Não notei diferenças consideráveis, mas achei que quando pauso 20 ou 30 os cabelos ficam um pouco mais macios. Porém se estiver sem tempo não tem problema pode pausar apenas por 10 minutos.

Depois de secos os cabelos ficam macios, esvoaçantes e bem hidratados, sem dúvida é uma excelente máscara hidratação. A primeira vez que usei essa máscara eu tinha voltado de um dia na praia, meus cabelos estavam bem embolados e ressecados e ela deu conta do recado muito bem, deixou meus cabelos bem macios.  O único defeito dela há meu ver, é não agir em menos tempo, gostaria que ela fosse de ação rápida, afinal nem sempre podemos pausar um tratamento por 10 minutos nos cabelos. Então fica a dica para Néctar.

Leave in Summer beach:


O leave in também possui óleo mineral, a composição dele é mais rica que a da máscara, ele possui os principais ativos da linha que são a geleia real e o extrato de pérola (já falei sobre eles lá em cima) porém, além desses ele possui outros ativos.

Queratina hidrolisada, ela é a principal proteína formadora dos nossos fios, e repor essa proteína é essencial para manter a saúde dos nossos fios. Ela reconstrói nossos cabelos preenchendo as fissuras que são formadas nos fios devido ao uso de secador, chapinha, químicas, e até mesmo as agressões do dia a dia.

 Alanina, também é um dos aminoácidos que formam a queratina.
A cisteína também é um aminoácido formador da queratina, na verdade ele é o principal aminoácido formador da queratina.
         A máscara também contém o agente de proteção UV octyl methoxycinnamate.

Modo uso: “Aplique sobre os cabelos limpos e úmidos, começando pelas pontas e espalhando por todos os fios. Não enxaguar.

 

         Esse leave in é bem cremoso, ele não é tão consistente quanto a máscara, mas tem uma ótima consistência bem fácil de espalhar pelos cabelos. Ele tem a mesmo perfume que o restante da linha e a mesma cor, amarelinho clarinho.


Quando aplicamos com os cabelos úmidos, assim aplicamos sentimos maciez imediata, esse leave in deixa os cabelos bem molhinhos, ele é muito emoliente. Acho que ele finaliza muito bem o tratamento, na verdade acho ele essencial para o resultado final, ele acrescenta uma maciez extra aos cabelos. Eu simplesmente adorei esse leave in, muito mesmo, gostei mais do leave in do que da máscara. Ele possui um ótimo rendimento, uma pequena quantidade é o suficiente para deixar os cabelos bem maleáveis. Eu usei o leave in outras máscaras e gostei muito do resultado também

         Depois de secos os cabelos ficam bem macios e maleáveis, a linha é uma boa pedida para o verão, as embalagens são práticas para levar na mala, em uma viagem, já que é uma linha de verão e geralmente viajamos para praia no verão.  Eu acho interessante usar a linha toda completa, eu não testei ela separadamente, e acredito que um item completa o outro.
         Como eu disse a linha é ótima, super aprovada. Mas acho que eles poderiam substituir os petrolatos por outras matérias primas, uma vez que algumas pessoas não fazem uso de cosméticos com essas substâncias.

            Quem se interessar pelos produtos, tem na loja virtual da Néctar, é só usar o código 1068 que você ganha 15% de desconto.

Caso você more no Rio de Janeiro, vou deixar o contato de um dos distribuidores do Rio, o Hamilton o email dele é: Hamilton@marukom.com.br. Ele atende em todo o Rio, e a vantagem é não pagar o frete. 

         Mais uma vez, gostaria de parabenizar a Néctar pela qualidade dos produtos e agradecê-los por terem me dado a oportunidade de testa-los.

         Obrigada a todos vocês, beijos e até a próxima!

Resenha: Shampoo Lumino Contrast da L’Oreal professionnel

- 9/22/2012

Oi gente, tudo bem?

Hoje tem resenha de um shampoo que eu adoro e tem também uma super dica.

O shampoo é o lumino contrast da L’Oreal professionnel...


Eu recebi esse produto da Luciana, ela tem uma lojinha de produtos fracionados e me enviou para testes uma fração do produto.




A Lu é super caprichosa, o produto veio bem embalado para que não vazasse dentro caixa. Ela é bem atenciosa também, vem com uma fitinha fofa e uma etiquetinha, além de vir uma folha mostrando a composição e a informações de uso do produto.  A Lu é de confiança, se quiser comprar com ela pode ficar tranquila, confio de olhos fechado.

         Os produtos fracionados são uma ótima opção para quem quer testar o produto sem comprar a embalagem grande, seja por medo de não gostar ou para economizar mesmo, nesse post aqui a Lu mostra como funciona o processo de fracionamento, ela usa luvas e espátulas é tudo certinho e limpinho.

Bom, vamos a resenha!

Esse shampoo é indicado para cabelos com mechas, eu não tenho mechas, mas uso, então se você também não tiver mechas não se preocupe, pode usar sem medo.

O que o fabricante diz: “Lumino Contrast shampoo, lava com suavidade os cabelos com mechas e reestabelece o equilíbrio lipídico da fibra sem tornar o cabelo pesado, reforçando-a com elementos nutritivos. Com Lumino contrast a fibra é transformada instantaneamente, fica mais lisa e fácil de desembaraçar. As mechas ficam bem tratadas e protegidas e os cabelos mais leves e brilhantes.
Elimina suavemente os resíduos e protege os cabelos contra o ressecamente e desbotamento, intensificando o contraste das luzes e mechas.  Protege o cabelo da ação UV e possui ação anti oxidante que prolonga a beleza dos seus cabelos”



Notamos na composição a presença de alguns surfactantes a base de sulfatos.
Contém também surfactantes mais suaves como o coco betaíne que é um derivado do coco.Contém methoxycinnamate que absorve a radiação UV, atuando assim na proteção dos fios contra os raios UV.
Ele contém óleo de castor, que na verdade é óleo de Rícino ou mamona, mas no exterior é chamado de castor. Enfim esse óleo é rico em ômega 9 e ômega 6, e está presente em muitas formulações cosméticas pois ele ajuda na formação da emulsão.
Notamos também a presença da ceramida patenteadas pela L’Oreal, as ceramidas como sabemos  as ceramidas são lipídeos (gorduras) encontrado naturalmente nos cabelos e na pelo, a sua função é impedir a perda de água, devido a uma  camada que ela forma tanto nos cabelos quanto na pele, ela evita que água presente nos cabelos e na pele se perca.  A ausência de ceramidas causa ressecamento e enfraquecimento que pode levar a quebra dos fios.

O uso não tem mistério é um shampoo, molho os fios, aplico duas vezes e enxáguo bastante.

Esse shampoo é muito cheiroso, tem um cheirinho gostoso de frutas, não sei explicar muito bem, faz uma espuma gostosa. Ele é transparente, aliás, o mais interessante desse shampoo é que ele é transparente e não resseca em nada os fios, pelo contrário ele até deixa os fios maciozinhos, é  shampoo transparente mais “hidratante” que já usei. Ele pode ser usado como “pré-lavagem” antes de um shampoo mais hidratante, ou sozinho mesmo, por que ele limpa bem e não resseca ( falei sobre shampoos aqui).


         Acho que o cabelo fica com um brilho extra quando uso esse shampoo, recomendo muito, gostei tanto que quero usar a máscara também. Pra quem acha que shampoo é tudo igual e não faz diferença, recomendo que use esse shampoo, você irá se surpreender. Como eu disse ali em cima o shampoo é para cabelos com mechas, mas eu não tenho mechas e amo, acredito que em cabelos com mechas o resultado deve ser melhor ainda.

Quem se interessar e quiser comprar fracionado tem aqui, 100ml por apenas 18,00 (mais frete).

Bom é isso, espero que tenham gostado, e vocês já usaram esse shampoo ou algo da linha Lumino contrast? Gostaram/não gostaram? Deixem nos comentários!
Obrigada a todos, beijos e até a próxima!


óleo mineral em cosméticos capilares...

- 9/19/2012

Oi gente, tudo certo?


Óleo mineral, petrolatos, parafinas...


Existem muitas dúvidas e opiniões diferentes sobre o uso do óleo mineral em cosméticos, da mesma forma que fiz um post sobre silicones, eu resolvi fazer esse sobre óleo  mineral.

Queria deixar bem claro que esse post não é pra dizer se petrolatos são bons ou ruins, muito menos para dizer se você deve usa-los ou não, nesse post quero mostrar o que eles são, e qual o papel deles nas formulações cosméticas. Espero que cada uma tire suas próprias conclusões quanto ao uso destes.

O óleo mineral, também chamado de parafina líquida, petrolatos, etc. é uma mistura de hidrocarbonetos (compostos que possuem apenas hidrogênio e carbono em sua composição), produzido a partir da destilação do petróleo,é um liquido oleoso, incolor, transparente e quimicamente inerte. Existem óleos minerais de grau técnico e de grau medicinal, o de grau medicinal é usado em cosméticos e alimentos, pois é refinado para atender as especificações apropriadas para uso em cosméticos, medicamentos e alimentos. 

O óleo mineral é usado em cosméticos pois raramente provoca reações alérgicas, o uso do óleo mineral é permitido pelo FDA,  e também pode ser usado em cosméticos e produtos de cuidados pessoais comercializados na Europa de acordo com as Disposições gerais da Diretiva de cosméticos da União Européia. Atualmente não há nenhuma evidência que o óleo mineral no grau de purificação que é usado em cosméticos cause câncer.

Ele é amplamente utilizado na indústria de cosméticos por possuir um baixo custo, além de possuir uma consistência adequada, isso é muito importante em cosméticos, óleo vegetais, sofrem alterações de lote para lote, já ó óleo mineral é praticamente sempre o mesmo e isso o faz com que ele seja muito mais eficaz para garantir a viscosidade ideal. A principal função do óleo mineral em cosméticos é funcionar como um veículo para os outros ativos, além de formar um filme. Como sabemos ele é hidrofóbico, ou seja, não interage com a água, com isso ele forma um filme de proteção, (esse é um dos pontos mais polêmicos), que impede a perda de água dos fios, e reduz o atrito ao pentear.

Bom até agora falei basicamente sobre o que é o óleo mineral, como é utilizado e o motivo da utilização.

Mas, por que falam mal do óleo mineral?

Uma das polêmicas a respeito do óleo mineral é que ele não “trata” o cabelo, diferentemente dos óleos vegetais, que são ricos em vitaminas, ácidos graxos, agentes antioxidantes o óleo mineral não possui nada disso. Então muitas pessoas dizem que o óleo mineral é apenas uma “maquiagem” para os fios.
Não, o óleo mineral não trata os cabelos, é obvio que um óleo vegetal possui muitos benefícios a mais, porém o óleo mineral não faz mal aos cabelos, o correto seria dizer que ele não faz bem nem faz mal.

A outra polêmica a respeito do assunto é que o óleo mineral é cumulativo, ou seja, vai se acumulando nos fios, e com o tempo os cabelos ficam “encapados”, e isso impediria a absorção de nutrientes, além de deixar os fios pesados, sem vida sem brilho, etc.

Eu procurei feito uma louca sobre estudos que comprovassem isso, esse fato de que o óleo mineral é cumulativo, porém não achei nenhum estudo que comprovasse isso (se alguém ai que estiver lendo souber de algum estudo, por favor, me avise nos comentários), ele até pode ser cumulativo, mas quão cumulativo ele é? Será que é cumulativo a ponto se não ser bem removido por shampoos?Será que é tão cumulativo a ponto de encapar os fios e impedir a absorção de outros nutrientes? Não encontrei nenhum estudo que respondesse a essas perguntas.

O que eu achei foram opiniões de pessoas que usaram produtos com óleo mineral e sentiram acúmulos, e como sabemos a nossa opinião é baseada na nossa experiência e na nossa vivência, logo pode ser que essas pessoas tenham notado um maior acúmulo de resíduos nos fios quando usam óleo mineral, porém não posso tomar isso como verdade, uma vez que não há uma comprovação científica. E creio eu que existem sim muitas pessoas que usam óleo mineral e não notam o acúmulo do mesmo.

Bom, como o blog é meu, me sinto no direito (e dever) de compartilhar minha opinião sobre assunto.

Quanto ao fato do óleo mineral tratar ou não tratar:

Ele não “trata” o cabelo, isso é um fato. Ele serve como veículo para os ativos, e são eles, os ativos que irão ‘’tratar” os cabelos. Eu tenho ótimas máscaras que possuem óleo mineral, então nesse caso pra mim tem há ver com os outros ativos que a máscara possui e principalmente a concentração dos mesmos. Existem máscaras no mercado que praticamente só possuem óleo mineral, e pouquíssimos ativos e em baixa concentração, essas máscaras provavelmente irão só “maquiar” os fios e não irão promover muitos benefícios. Porém como eu disse acima, existem ótimas máscaras que possuem óleo mineral, nesse caso acredito que os ativos estejam em concentração adequada para promover tratamento aos cabelos. Lembre-se preço não está relacionado a qualidade(existem máscaras muito boas que são bem baratas), porém preço está relacionado a concentração de ativos, e  quanto mais concentrado for, maior são as chances de ser um bom produto.

Quanto ao fato de se acumular nos fios:

Como eu disse, eu não encontrei nenhum estudo sobre o assunto, apenas opiniões, e a minha é:
Eu acredito que máscaras com óleo mineral possuem a capacidade de se acumular mais nos fios, quando comparadas a máscaras que não possuem óleo mineral em sua formulação. Eu noto que quando faço uso contínuo de máscaras com óleo mineral, meu cabelo pesa mais rápido (mas também acredito que tem pessoas que não sentem esse efeito), quando isso ocorre, eu lavo os cabelos com um bom shampoo transparente, (que possua um poder de limpeza razoável) umas 3 vezes e uso uma máscara mais leve que não possua óleo mineral, e os cabelos ficam completamente normais de novo. Pra quem faz o uso constante desses tipo de produto eu acho interessante lavar com um anti resíduos uma vez por mês, no meu caso eu nem preciso usar anti resíduos pois  não uso a mesma máscara consecutivamente, como tenho máscaras que possuem óleo mineral e outras não, dificilmente sinto acúmulo, e no meu caso umas boas lavadas com shampoo transparente com uma poder de limpeza razoável resolve o problema.

Eu até tenho procurado ultimamente por máscaras que não contenham óleo mineral, pois como eu disse acima quando uso elas consecutivamente eu noto os fios com um pouco de acúmulo, porém não vou deixar de usar as que eu tenho, e caso eu esteja muito interessada em determinada máscara eu não deixaria de compra-la pelo fato dela conter óleo mineral. 

Conclusão: Se possível, opte por máscaras que contenham óleos vegetais eles sem dúvida são melhores que o óleo mineral, porém se a sua máscara favorita contém óleo mineral eu não vejo há motivo pra deixar de usa-la.

Bom, espero que eu tenha esclarecido algumas dúvidas com esse post, muitas pessoas pediram pra eu fazer e eu fiz.
Eu quero ouvir a opinião de vocês sobre assunto! Concordam/discordam? Deixem nos comentários!
E se alguém tiver conhecimento de algum estudo sobre o acúmulo de óleo mineral nos cabelos, por favor me avise, se possível indique nos comentários.


Obrigada a todos vocês, beijos e até a próxima!

Resenha: Ativador de brilho Néctar do Brasil

- 9/17/2012

Oi gente, tudo certo? Hoje tem resenha de mais um dos produtos da Néctar doBrasil.
Ativador de brilho Cristal Repair- Néctar do Brasil


Esse ativador de brilho, é um spray de brilho que faz parte da linha cristal repair.
O que o fabricante diz: “Cristal liquido em spray com formula exclusiva para potencializar o brilho e dar sedosidade aos fios, proporcionando uma excelente definição aos penteados.”


A composição é bem simples, silicones que promovem brilho, penteabilidade, e formam uma camada protetora nos fios, evitando assim e perda de água. Notamos também a presença do Phenyl trimethicone  devido ao seu alto índice de refração ele é responsável por promover brilho intenso e luminosidade, além de proporcionar uma maior maleabilidade aos cabelos.
Notamos ainda a presença o octyl methoxycinnamate, que reflete os raios UV, sendo assim ele protege nossos fios da ação dos raios UV

Modo de uso: “ Aplique uniformemente sobre os cabelos úmidos ou secos, penteie como desejar.”

Esse produto tem um cheiro forte, mas não fica nos cabelos por muito tempo, esse cheiro me deixa um pouco enjoada, mas como ele sai rápido não é algo que me impeça de usar. A textura dele é um pouco oleosa, mas ele não deixa os fios oleosos não, essa textura oleosa é apenas quando aplico nas mãos.


Ele deve ser aplicado a certa distância dos fios uns 15 ou 20cm de distância, o bom é que ele tem uma boa válvula spray , com um bom jato que na hora da aplicação  permite que o produto cubra uma boa área dos fios.

 Bom eu uso mais nos cabelos secos, tenho essa mania não gosto muito de finalizadores nos cabelos úmidos, dou umas 3 “espirradas” nos meus cabelos e o brilho é maravilhoso, instantâneo.  Nunca usei um produto que deixasse os fios tão brilhantes assim.

Recomendo passar apenas no comprimento dos cabelos, longe da raiz, pois pode deixar a raiz muito pesada. Eu reparei que quando uso ele, sinto necessidade de lavar o cabelo mais rápido, por isso não recomendo o uso diário. Mas quando quiser um super brilho, uma finalização de penteado, ou escova, ou simplesmente se quiser um brilho a mais nos cabelos pode apostar nesse ativador que ele é muito bom, o cabelo fica com MUITO brilho.


        Quem se interessar pelo produto, tem na loja virtual da Néctar, é só usar o código 1068 que você ganha 15% de desconto.

Caso você more no Rio de Janeiro, vou deixar o contato de um dos distribuidores do Rio, o Hamilton o email dele é: Hamilton@marukom.com.br. Ele atende em todo o Rio, e a vantagem é não pagar o frete. 


Mais uma vez quero parabenizar a Néctar pela qualidade!

E vocês já usaram esse spray de brilho ou algum outro? Deixem nos comentários!

Obrigada a todos vocês, beijos e até a próxima!

Resenha: Natura ekos castanha

- 9/14/2012

Oi gente, tudo bem?

 Hoje tem resenha de máscara e shampoo:

Natura ekos Castanha


A linha promete nutrição força a cabelos secos e quebradiços.

O que o fabricante diz: “Os produtos da linha, com óleo de castanha, hidratam e nutrem os cabelos secos e quebradiços, recuperando sua força resistência e vitalidade. Com exclusiva formula verde, não acumulam nos fios e preservam a saúde co couro cabeludo e da fibra capilar

         Eu uso assim:
*Lavo o cabelo duas vezes com o shampoo, enxaguo.
* Retiro o excesso de água com a toalha, e aplico a máscara, enluvo e pauso por 3-5 minutos(com recomenda a embalagem).
*Enxaguo e finalizo com o leave in da minha preferência.


Shampoo natura ekos castanha


Esse shampoo é sem sal (falei sobre o mito do sal aqui), e contém sulfato, mas também possui outros agentes de limpeza mais suaves.

Contém glicerina, notamos a presença da glicerina, também chamada de glicerol, ela é umectante, ou seja, ajuda a manter a umidade natural dos cabelos, além de possuir a capacidade de absorver água. Sendo assim, a glicerina absorve água e a retém nos fios, logo é perfeita para hidratação.

Notamos também a presença da manteiga de Murumuru, que é rica em ácido Oleico (ômega 9), e vitamina A. Ela forma uma barreira protetora nos fios,  que confere brilho aos cabelos, como é uma manteiga, ou seja um lipídeo ela não interage com a água, e com isso ela impede a perda de água dos cabelos, mantendo-os hidratados por mais tempo.

Óleo de semente de castanha, é rica em ácido linoleico, ácido oleico, ácido palmítico, e ácido esteárico, todos são lipídios essenciais, que ajudam a reestabelecer a camada lipídica dos nossos fios. Também contém fitoesteróis, além de ser rica em selênio um mineral importantíssimo, ele é essencial para acionar enzimas que combatem os radicais livres.

O shampoo é perolado/cremoso(falei sobre os tipos de shampoo aqui), possui um poder de limpeza médio (acho bom lavar com um shampoo transparente antes) ele é bem hidratante não resseca nada os fios, é um dos shampoos mais hidratantes que já usei, forma uma espuma bem gostosa, sem falar o cheiro que é maravilhoso. Gosto muito desse shampoo. 

A máscara natura ekos castanha


A máscara possui glicerina e óleo de semente de castanha, já falei sobre eles ali em cima. E contém também manteiga de cacau

A manteiga de cacau contém ômega 9, vitamina A e E, contém anti oxidantes que combatem os radicais livres. Estudos mostram que o cacau tem duas vezes mais anti oxidantes que o vinho tinto, e 3 vezes mais que o chá verde.A manteiga de cacau forma um filme protetor que envolve os fios, deixando-os brilhantes, macios e preservando a hidratação por mais tempo.




Ela não possui silicones, nem petroquímicos, na sua formulação, sendo assim é liberada pra quem faz no/low poo.


A máscara é bem consistente, do tipo que não cai do pote, ela espalha bem fácil e rende bastante por conta da sua consistência. O cheiro é maravilhoso, e permanece nos fios, a cor é um bege bem claro.

 Assim que você aplica, ela deixa o cabelo bem macio, conforme vou enluvando o cabelo vai ficando mais macio ainda. Na hora do enxágue o cabelo está bem macio, mais comportado, mais liso e com um pouco mais de peso, efeito típico de nutrição. A primeira vez que usei essa máscara achei até que fosse pesar, mas ela não pesa nada. Depois de seco o cabelo fica bem macio, mais liso, com menos frizz, com um brilho incrível, ela deixa o cabelo com um brilho maravilhoso e bem mais comportado mesmo, uma nutrição com toque de hidratação, pois ela também deixa o cabelo bem macio.

Eu adoro essa máscara, adoro o efeito que ela deixa de nutrição com hidratação, recomendo muito para quem tem cabelos secos, ressecados e cacheados, até mesmo quem tem cabelos finos vai gostar por que ela não pesa nos fios. Eu acho que essa máscara vale muito a pena, mesmo vindo com 200 gramas ela rende muito.

E vocês, já usaram essa linha? Ou alguma outra linha da natura ekos? Gostaram/não gostaram? Deixem nos comentários!
Obrigada a todos, beijos e até a próxima!

Qual a quantidade de máscara/shampoo ideal????

- 9/12/2012

         Oi gente, tudo bem?

         Hoje eu trouxe uma dica super útil que eu li na revista cabelos e cia. Achei tão legal, que quis dividir com vocês.  É sobre a quantidade de produto que devemos usar nos nossos cabelos. O quanto de máscara? 
 O quanto de shampoo? Vamos conferir?



         Cada marca estabelece a quantidade de produto que deve ser usado em cada tipo de tratamento, porém existem porções  médias indicadas. Mas é claro que tudo depende do volume e principalmente da porosidade dos fios.

         No geral recomenda-se  12 ml de shampoo para duas lavagens, 10 g de condicionador (com sobra) e 10 g de mascara.

         Ha uma boa tabela a seguir
         Curtos: 5g
         Médios a longos: 10 g
         Volumosos: 13g


      Lembre-se não adianta pecar pelo excesso, portanto não há necessidade de ultrapassar esses limites.


        Bom, espero que tenha sido útil, e lembrando a vocês que eu retirei essa matéria de uma revista especializada, que eu acredito ser confiável, porém como o próprio texto mostra, existem exceções. Pode ser um pouco difícil medir essas quantidades em casa, uma boa dica é usar colheres, uma colher de sopa tem mais ou menos 10g, uma de chá 5g. Tem ainda aqueles copinhos de xarope que vem com graduação, que também ajudam muito.



        Obrigada a todos vocês, beijos e até a próxima.
 

Química dos Cabelos Adaptação Cakes Hill